Levantamento de quantitativos em Revit: aprenda a fazer!

Entenda como o levantamento de quantitativos em Revit traz mais valor, em comparação ao método tradicional de extração, na hora de realizar orçamentos.

A rotina das equipes de orçamento é dramática, com atividades trabalhosas e prazos curtos. Extrair quantitativos de projetos para realizar orçamentos no método tradicional costuma ser cansativo e, muitas vezes, não gera uma sensação de segurança quanto à assertividade dos levantamentos. 

A criação de um template BIM para tal atividade é fundamental para a produtividade das equipes de orçamento. Para tanto, são necessários investimento e paciência. 

Pensando em ferramentas Autodesk, os levantamentos de quantidades costumam ser feitos em Revit ou em Navisworks, demandando padrões nas configurações e atributos. Outros softwares de fabricantes como Trimble e Acca Softwares podem ser utilizados também, mas vamos voltar ao tema do artigo, certo? 

Para criar um template de levantamento de quantidades em Revit, é necessário contar com descrições em todos os elementos e tabelas inteligentes para a realização de cálculos.

Figura 1: FF Solutions

Configuração do template BIM para extrair quantitativos em Revit

Alguns itens como escavação e reaterro em elementos de fundação, dobradiças e parafusos em portas ou, até mesmo, prestação de serviços, normalmente não são modelados mas podem ser quantificados nas planilhas do Revit por meio de fórmulas. 

A preparação das tabelas passa pela configuração do template, necessária para extrair quantitativos com maior facilidade.

Ajustes devem ser realizados nas configurações de unidades do projeto e os campos da tabela devem ser escolhidos criteriosamente. Feito isso, cria-se campos de fórmulas caso necessário e pode ser realizada uma formatação para a exibição visual da tabela. 

Após a configuração do template, ao inserir uma família de fundação, por exemplo, é possível obter o levantamento de diversos itens do quantitativo como volume de escavação, reaterro, bota-fora e lastro de concreto, bem como as áreas de apiloamento, impermeabilização e formas, por exemplo. 

Atividades que levam dias quando feitas no método tradicional, como calcular área de paredes e pisos, calcular volume de concreto nos elementos estruturais ou os cálculos de terraplenagem, podem levar horas ou minutos para serem concluídas em um template BIM. 

As tabelas podem ser exportadas do Revit para Excel e, assim, as informações podem ser trabalhadas e inseridas em bancos de dados e outras ferramentas para a composição de orçamentos. 

Figura 2: FF Solutions

A importância da assertividade no levantamento de quantitativos em Revit

Os fluxos dos projetos BIM contemplam uma riqueza de informações úteis em fases anteriores dos projetos, para melhores tomadas de decisão, o que pode beneficiar os envolvidos com economias consideráveis na sequência dos projetos, nas obras e nas operações das edificações. 

Como componente desses fluxos, o levantamento de quantidades de elementos pode estar presente em diversos momentos do ciclo de vida de uma edificação, das fases iniciais dos projetos até as reformas. 

Orçamentos com altas margens de erro geram retrabalho de projetistas e orçamentistas pois, em caso de erro, ajustes precisam ser realizados.

Tais erros podem acarretar custos ainda maiores se não detectados com antecedência – imaginem a compra de materiais para a obra com quantidade errada.

Se comprar menos que o necessário, a obra pode ser atrasada com relação ao cronograma. Se comprar mais que o ideal, gasta-se mais com transporte, os materiais podem ocupar mais espaço no armazenamento, pode ocorrer a perda desses materiais – gerando desperdício, além do próprio custo dos materiais excedentes. 

Informações adicionais

Deseja saber mais sobre o assunto? Converse com um de nossos especialistas e descubra como nossos serviços e soluções BIM e GIS podem ajudar a inovar e transformar os negócios da sua empresa. Fale com nosso time →

Você sabia que somos um Centro de Treinamento Autorizado (ATC®) da Autodesk? 

Acesse o site da BuildLab Academy e conheça um ecossistema multidisciplinar completo com treinamentos e conteúdo sobre BIM e inovação para o setor de AEC, e faça parte de uma comunidade de especialistas.

Comentários

Este post tem um comentário

  1. Emerson Rodrigues

    Teste de comentários

Deixe um comentário

Sugestões de leitura